Se você gosta de filmes de terror, você já provavelmente esbarrou ou vai esbarrar no nome dos Warren. O casal Warren dedicou a sua vida a investigar e a solucionar casos sobrenaturais, alguns destes, inclusive, adaptados para o cinema em longa-metragens como Invocação do Mal e Annabelle. Dessa forma, Ed & Lorraine Warren – Demonologistas, publicado originalmente em 1980,  é uma obra biográfica que vai além da vida comum (ou ao menos tão comum quanto poderia ser) do casal, para se aprofundar nos casos enfrentados pelos dois.

As pessoas têm sido metodicamente ensinadas a não acreditar em fantasmas, espíritos e forças sobrenaturais porque se supõe que essas coisas sejam ‘irracionais’. Na minha opinião, fechar a mente ao conhecimento que é irracional.

Ed era um veterano da Segunda Guerra Mundial que se aprofundou no tema e se tornou um demonologista autodidata, enquanto que Lorraine, sua mulher, é uma clarividente e uma médium de transe leve. Ed viu seu primeiro espírito aos cinco anos, quando sonhou com uma tia, já Lorraine só percebeu o seu dom num dia em que estava plantando uma árvore na escola e teve uma visão dela já desenvolvida e dando frutos. Nem é tão bizarro que duas pessoas tão intrinsecamente envolvidas com o sobrenatural acabassem juntas lidando com espíritos.

O livro de Gerald Brittle se assemelha a uma grande palestra feita pelos Warren, que vai diferenciar aquilo que conhecemos como espírito humano do inumano, mostrar o quão diferente é o trabalho de um exorcista para o de um demonologista, explicitar os três estágios de atividade demoníaca (infestação, opressão e possessão) e por aí vai. Justamente por esse motivo, ainda que vez ou outra soe repetitivo, nota-se um tom mais parecido com o de livros acadêmicos em certos momentos, ecoando, um pouco, o tom da metodologia científica.

E é aí que reside um dos grandes trunfos do livro de Brittle, ele transparece seriedade. Embora você provavelmente vá dormir com medo, a obra não é arranjada para transformar essa biografia em um romance de terror; nem os fatos são jogados na sua cara como se os Warren fossem heróis enfrentando um mundo perverso e demoníaco que quer desacreditá-los. O autor é respeitoso ao organizar o livro de forma a apresentar o material cedido pelo casal da melhor  e mais embasada forma possível antes de colocá-lo na mão do leitor para que esse decida o que fará com aquilo que leu, rearranjando-o de acordo com suas crenças pessoais e sua visão de mundo.

Como me considero uma pessoa bastante medrosa quando o assunto é qualquer tipo de atividade preternatural ou sobrenatural, essa foi uma leitura que eu enrolei bastante para fazer, ainda que a curiosidade tenha vencido no final. Ao contrário do que imaginava, não me assustei, porém realmente me senti desconfortável em alguns momentos ou me pegava lembrando alguns trechos antes de dormir. Ou seja, não é nada muito pesado, mas que dificilmente indicaria para quem é muito sensível em relação ao tema.

Particularmente, nem acredito, nem desacredito do trabalho dos Warren. Não é algo que estudei a fundo – e nem pretendo – e tenho dificuldade de engolir algumas das afirmações do livro, como a parte do dinheiro desaparecido, mas é inegável que o casal ajudou várias famílias ao longo dos anos. Também não vejo como poderia ser um revés, o fato de que a grande mensagem do livro é a de todos focarem em pensamentos e ações positivas, como ajudar ao próximo e buscar sempre fazer o bem, ao invés de praticar maldades e nutrir pensamentos negativos.

Em suma, Ed & Lorraine Warren – Demonologistas, de Gerald Brittle, é um livro que eu indicaria a todos os interessados no assunto ou para aqueles que querem refletir e abrir um pouco a cabela para outras possibilidades além daquilo que vemos a partir da ótica científica ou religiosa. Acreditando naquilo que os Warrem dizem ou não, é inegável que a obra foi bem estruturada e que a edição da Darkside Books dá um charme a mais ao material.

Por via das dúvidas, minha última dica é a de que você nunca brinque com um tabuleiro Ouija (ou a brincadeira do copo, ou a do compasso e por aí vai).


Autor: Gerald Brittle
Tradutora: Giovanna Louise
Editora: Darkside Books
Número de páginas: 272
Ano: 2016
Sinopse: Eles enfrentaram os mistérios mais sinistros dos últimos sessenta anos, sempre em busca da verdade. Agora é a sua vez de entrar em contato com o sobrenatural. Você tem coragem? Então leia Ed & Lorraine Warren: Demonologistas, a biografia definitiva dos mais famosos investigadores paranormais do nosso plano astral. Não é de hoje que os fãs do terror conhecem Ed Warren e sua esposa, Lorraine. O casal foi retratado em filmes de grande sucesso, como Invocação do Mal, Annabelle e Horror em Amityville. Mas basta folhear as páginas de Ed & Lorraine Warren: Demonologistas para constatar que, muitas vezes, a vida pode ser bem mais assustadora que o cinema. No livro, Gerald Brittle desvenda alguns dos principais casos reais vividos pelos Warren. Ed e Lorraine permitiram ao autor acesso exclusivo aos seus arquivos sobrenaturais, que incluem relatos extraordinários de poltergeists, casas mal-assombradas e possessões demoníacas. O resultado é um livro rico em detalhes como nenhum outro. “Minha pesquisa foi totalmente baseada em Ed & Lorraine Warren: Demonologistas.” — Vera Farmiga — “É o livro mais assustador que já li.” — James Wan, diretor de Invocação do Mal 2