Importante autor britânico, Aldous Huxley foi um prolífico ensaísta e um romancista excelente, mais conhecido pela distopia Admirável Mundo Novo, de 1932. Além disso, ele é um dos meus autores favoritos e, por isso resolvi separar algumas curiosidades sobre o famoso autor de Admirável Mundo Novo, para que seu aniversário de 123 anos (que seria comemorado no último dia 26) não passasse em branco aqui no site.

1 | Huxley foi professor de francês de George Orwell, autor de 1984, em Eton.

2 | A banda The Doors foi nomeada em homenagem ao livro de Huxley, The Doors of Perception – editado no Brasil como As Portas da Percepção e Céu e inferno pela Biblioteca Azul -, no qual o autor descreve suas expectativas e as sensações do uso de mescalina.

3 |  Huxley morreu em 22 de novembro de 1963, mesmo dia da morte de C. S. Lewis. E, embora ambos sejam considerados autores importantíssimos, suas mortes não receberam muita atenção da imprensa, porque John F. Kennedy foi assassinado em Dallas também nesse dia.

4 |  Durante sua adolescência, Huxley teve uma vida difícil. Sua mãe morreu de câncer, seu irmão se suicidou e ele quase perdeu a visão, quando suas córneas ficaram inflamadas.

5 |  Durante os anos 1920, Huxley escreveu artigos para algumas revistas, como a Vogue, a Vanity Fair e a House and Garden. Além disso, nas décadas posteriores, o autor trabalhou como roteirista, colaborando em vários projetos. Por exemplo, misturando live action e animação, seu roteiro para Alice no País das Maravilhas foi rejeitado por que Walt Disney dizia que ele era literário demais.

6 | Aldous Huxley aparece na capa do icônico disco dos Beatles Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band.